Quinta, 13 Julho 2017 09:45

Vacina contra HPV é rotina na rede pública de saúde

Escrito por

O Departamento Municipal de Saúde investe na prevenção em saúde, e constantemente disponibiliza a vacina contra o vírus HPV (Papiloma Vírus Humano) para meninas de 9 a 14 anos e meninos de 12 a 13 anos.

Segundo a coordenadora da Vigilância em Saúde, Iara Luz, anteriormente a vacina era disponibilizada somente para meninas de 9 a 13 anos. “No início achávamos que os meninos ficariam com receio de se imunizarem contra esse vírus, mas foram muito receptivos, sendo essa vacina rotina na rede pública. Basta que os interessados se dirijam a Unidade Básica de Saúde, Estratégia de Saúde da Família ou Vigilância Epidemiológica para se imunizarem”, afirma Dra. Yara.

O HPV é um vírus que atinge a pele e as mucosas, podendo causar verrugas ou lesões, e desenvolver câncer de colo de útero, garganta ou ânus. E cada tipo de HPV pode causar verrugas em diferentes partes do corpo.

O vírus é transmitido no contato pele com pele, por isso pode ser considerado uma doença sexualmente transmissível, 98% das transmissões ocorrem através do contato sexual. Mas diferente das outras DSTs, não é preciso haver troca de fluídos para que a transmissão ocorra. Existem mais de 200 tipos de HPV. Até hoje 150 deles já foram identificados e sequenciados geneticamente.

Qualquer pessoa que tenha vida sexual ativa está em risco de entrar em contato com algum dos tipos de HPV. No entanto, alguns fatores de risco aumentam a chance de esse contato ocorrer como sexo sem proteção, vida sexual precoce, múltiplos parceiros, não fazer exames de rotina, queda do sistema imunológico e presença de outras DSTs.

Informações pelo telefone (17) 3344-8100.



Lido 78 vezes

Quantos online

Temos 586 visitantes e Nenhum membro online