Terça, 14 Novembro 2017 09:09

Eleitos Miss e Mister Beleza Negra

Escrito por

A eleição da Miss e Mister Beleza Negra ocorreu na noite de sexta-feira (10/11), no Centro de Convenções Leopoldo Pinto Uchoa (Tancredão), acompanhada por familiares e amigos dos candidatos. Os escolhidos foram Bianca Cristina da Silva Ferreira e Evandro Júlio Borba. O evento fez parte do Mês da Consciência Negra. 

O desfile mostrou um pouco da cultura africana com músicas,  danças e vestuário por membros do ArtSol, em coreografias de Anderson Luiz, que também preparou os candidatos. “Busquei inspiração na África, temos que contar nossa história, se é beleza negra, o negro vem da África, então nada melhor que nossas músicas, batidas, cores e maquiagem”, contou.

Para a professora Siumara Quintetla, membro da comissão organizadora do Mês da Consciência Negra, o concurso valoriza a beleza negra. “A beleza independe da cor, da raça, é tem que ser mostrado isso”, falou.

A escolha do mais belo negro e negra de Bebedouro começou em 2013 como forma de valorizar aqueles que construíram a história de Bebedouro, sendo uma comunidade forte e atuante no município. 

No desfile estiveram presentes: o prefeito Galvão acompanhado da primeira dama, Aline, os vereadores Rogério Mazzoneto e Juliano Cézar, a diretora do ArtSol, Simone Alencar, a coordenadora do curso de Pedagogia do Unifafibe, Siumara Quintella e a coordenadora de Direitos Humanos, Elaine Lucas.

Os eleitos
A Miss Beleza Negra Bianca Cristina da Silva Ferreira tem 23 anos, solteira, trabalha como promotora de telefonia celular, entrou no concurso a pedido da avó, Laudelina Ferreira da Silva, e acredita ser importante mostrar um pouco da beleza negra. “Estou aqui por causa dela (avó), ela insistiu para que eu participasse, mas não imaginava que iria ganhar, quase desisti, estou muito feliz”, contou.

O Mister Evandro Júlio Borba está com 26 anos, solteiro, trabalha com a montagem de eventos. Tem como sonho se formar em engenharia elétrica e participou do concurso pela segunda vez como forma de mostrar o apoderamento do negro. “Para mim é uma enorme honra”, disse.



Lido 88 vezes

Quantos online

Temos 65 visitantes e Nenhum membro online