Segunda, 09 Setembro 2019 10:11

Projeto “Leitura no Campo” é inaugurado em Bebedouro

Escrito por

A Secretaria Municipal de Educação de Bebedouro (SEMEB), participou da inauguração do projeto executado pelo Educandário Santo Antônio “Leitura no Campo”, nesta sexta-feira (06/09), na instituição.

Na ocasião o Educandário recebeu mais de 1.200 novos livros, compostos por romances, mangás, contos, filmes e títulos juvenis, entregues pela Rede Educare, Coopercitrus, Ministério da Cidade e BASF.

Além de títulos de difícil acesso, constando entre os mais procurados pelo público infantil e infanto-juvenil, a biblioteca da instituição recebeu a revitalização como pintura, novas mesas e cadeiras de leitura, reorganização de ambiente lúdico para o acolhimento de 275 estudantes entre 4 e 15 anos, que frequentam as atividades da educação infantil e fundamental, melhorias que também beneficiam a população.

“Estamos muito felizes com esta conquista. O projeto qualificará nossas atividades, ofertando acervo e espaço lúdico e diferenciado para nossos educandos. Sabemos que a leitura, sem dúvida, consolida o aprendizado e contribui para o desenvolvimento humano. Sendo assim, potencializará os resultados, na perspectiva da formação integral e garantia de direitos de nossas crianças e adolescentes”, comemora a diretora-presidente do Educandário Santo Antônio, Márcia Heloisa Iquegami.

A supervisora de ensino da Secretaria Municipal de Educação de Bebedouro (SEMEB), Maria de Fátima do Carmo, demonstrou emoção com a recepção das crianças fantasiadas com o tema de contos de fada, na recepção do evento. “É uma grande alegria participar da inauguração de uma sala de leitura onde os jovens podem aprender e se divertir. Pode-se dizer que essas crianças são privilegiadas por terem esse espaço rico em conhecimento”, explica.

Projeto Leitura no Campo -  O projeto busca a formação de novos leitores em comunidades com pouco acesso à literatura. Sua atuação prevê qualificação de bibliotecas comunitárias e complementação de acervo em bibliotecas de escolas, incluindo a revitalização de espaços de leitura. O foco é oferecer novos títulos que abrangem temas atuais, dando espaço para a diversidade, com livros em braile e áudio-livros. 




Lido 177 vezes

Quantos online

Temos 213 visitantes e Nenhum membro online