Quinta, 21 Maio 2020 14:05

Realizada 10ª Parada do Orgulho LGBTQIA+ de Bebedouro

Escrito por

O evento contou com o apoio e organização do Grupo Florescer, que promove acesso à diversidade de gênero e orientação sexual, além da luta por políticas voltadas para o público LGBTQIA+.

Com o objetivo de reforçar a importância de se praticar a tolerância e o respeito à diversidade, foi realizada a 10ª Parada do Orgulho LGBTQIA+ de Bebedouro. O evento devido a necessidade do isolamento social, foi realizado no domingo (17/05), no Sambódromo Municipal através de uma transmissão ao vivo nas redes sociais, organizada por Erikson Zatin.

Durante todo o dia, foram realizadas palestras com vários profissionais relacionados a diversos temas, todos envolvidos diretamente com a causa, como a advogada especialista em Direitos Humanos e Diversidade, Adriana Galvão Moura, que refletiu sobre aspectos sociais como os altos índices de LGBTfobia no Brasil, principalmente nesse momento de distanciamento social. “É necessário conscientização. Nesse momento de pandemia, é a população que mais sofre em virtude de sua identidade de gênero. Precisamos nos unir em prol de um bem maior, que é o respeito às diferenças e à dignidade dessas pessoas. As diferenças sempre vão nos enriquecer, e o respeito é o que vai nos unir”. 

Também participaram da transmissão Paulo Sérgio Tetti (Tripé da Diversidade), Fábio de Jesus (Homofobia e o cenário atual, Retirada de homossexualidade da lista de doenças da OMS), Elaine Lucas (Coordenadora de Diversidade sexual e de gênero na Secretaria de Direitos Humanos e Madrinha da Parada em Bebedouro), Filipa Brunelli (Mercado de trabalho para mulheres trans e travestis), Webert Arão (Militante da cidade de Governador Valadares- Prevenção e cuidados com saúde LGBTQIA+), Victoria Bela (Artista e Cantora), Kitara Abala (Show Especial), Rodrigo Cavalheiro (Presidente da ONG Primavera na cidade de Sertãozinho, Prevenção de doenças sexualmente transmissíveis), DJ Jader Augusto, Maria Fernanda Ribeiro (Presidente fundadora da ONG e coletivo Cherry da cidade de São Joaquim da Barra), Rosângela Valentino (Coletivo Mães pela Diversidade), Edu Valentino (Presidente da ONG Arco-íris da cidade de Franca, “Tema: Militância LGBTIQIA+”), Raul Nogueira (Militante na cidade de Araraquara) e Alê Correia (Militante do Coletivo Dfora do Armário, da cidade de Ribeirão Preto).



Lido 423 vezes

Quantos online

Temos 245 visitantes e Nenhum membro online