Sidebar

22
Qui, Fev
Segunda, 06 Junho 2022 08:47

Projeto “Pedrinho” orienta sobre os riscos do diabetes na infância

Treinamentos continuam nos próximos dias 

Os professores da rede municipal vão passar por uma série de cursos para conhecer o projeto piloto “Pedrinho”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e os alunos do curso de Enfermagem do Unifafibe. Os especialistas discutiram como levantar o número de crianças portadoras do diabetes tipo 1 nas escolas. O encontro aconteceu na segunda-feira (30), na Secretaria Municipal de Educação de Bebedouro (SEMEB).

O projeto será acompanhado de perto pela Central de Alimentação e a ESF Dr. Moacyr Caldeira. “Os educadores estão sendo treinados para identificar os sintomas nas crianças. Quanto mais cedo a doença for descoberta e tratada melhor. A participação família-escola na prevenção da doença também faz toda a diferença”, alerta a enfermeira Jéssica Camargo.

Ao identificar os sinais mais leves, os educadores devem comunicar os pais e orientá-los a procurar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ou a ESF mais próxima. Já nos sintomas mais graves deve-se comunicar os pais e o serviço de resgate do município.

Sinais de alerta - Os educadores devem ficar atentos aos sintomas do diabetes, como a sede intensa, urina excessiva, fome em excesso, visão turva e perda de peso. Já na hipoglicemia a criança apresenta fome excessiva, palidez, fraqueza, ansiedade, taquicardia, suor intenso, raciocínio lento e sonolência. Nas formas mais graves a pessoa também apresenta dificuldade em falar, inconsciência e até o coma quando não tratado com urgência.

Lido 410 vezes

Quantos online

Temos 438 visitantes e Nenhum membro online